MSC Cruzeiros oferecerá experiência única em reserva marinha nas Bahamas

A MSC Cruzeiros, empresa global de cruzeiros sediada em Genebra, na Suíça, líder de mercado na Europa, América do Sul e Sul da África, anuncia seu ambicioso plano de criar uma experiência sem precedentes em uma reserva marinha das Bahamas.
O projeto visionário foi revelado ontem à tarde (16 de dezembro) em Nassau, capital das Bahamas, onde o Primeiro Ministro, Perry Christie, e o Presidente da MSC Cruzeiros, Pierfrancesco Vago, assinaram um acordo de locação que permitirá à companhia ocupar e desenvolver a ilha denominada Ocean Cay MSC Marine Reserve, pelo período de 100 anos.
Pelos próximos dois anos, a armadora, o Governo das Bahamas e ecologistas trabalharão em conjunto para desenvolver a ilha e transformá-la em uma reserva marinha que coexistirá em harmonia com o ecossistema local.
E, alinhado com o compromisso da companhia em proporcionar férias autênticas e inesquecíveis, a ilha será lar de algumas das melhores praias do mundo e de experiências ao estilo caribenho.
Navegando há mais de 300 anos, a família proprietária da MSC Cruzeiros tem um profundo respeito pelos oceanos que hoje são a sustentação de suas operações. Por meio de um investimento de US$ 200 milhões, a companhia fará da ilha deserta um verdadeiro paraíso natural, sempre tendo como prioridade a consciência ambiental, aliada ao comprometimento com a proteção das águas por onde navega.
“Essa é uma evolução natural para a nossa companhia, a qual está crescendo muito rapidamente, portanto estamos muito contentes em poder oferecer aos nossos hóspedes que viajam pelo Caribe esta experiência totalmente nova”, comenta Pierfrancesco Vago, Presidente da MSC Cruzeiros. “A Ocean Cay MSC Marine Reserve e seus atrativos exclusivos serão um excelente complemento para tudo àquilo que os viajantes vivenciam a bordo. Somos muito escrupulosos quanto às decisões que tomamos, pois elas devem estar alinhadas com a missão da marca em oferecer a autenticidade e a qualidade que nossos hóspedes esperam. Isso é o que nos torna a empresa líder em muitos dos mercados onde atuamos, incluindo a Europa, América do Sul e Sul da África. Para o mercado caribenho, seguiremos com a mesma estratégia e atenção aos detalhes, agora com a inclusão da reserva marinha que representará um pilar na região e certamente superará as expectativas de nossos clientes”, completa o executivo.
Com área de 95 acres (38,5 hectares) e 3,5 quilômetros de litoral intocado, divididos em seis praias, este será o maior projeto de desenvolvimento de uma ilha idealizado por uma companhia de cruzeiros, no Caribe. Além disso, o local também oferecerá uma infinidade de características únicas.
O cais e o píer que serão construídos permitirão aos hóspedes desembarcar diretamente na ilha, o que significa maior facilidade de acesso entre as opções de entretenimento a bordo e em terra. Um dos maiores atrativos do destino será a vida noturna, com destaque para os shows e apresentações que acontecerão no anfiteatro com capacidade para duas mil pessoas, além de bares e restaurantes. Aqueles que optarem por permanecer a bordo também terão acesso a todos os serviços e opções de lazer – incluindo o cassino – que estarão abertas ao público enquanto o navio estiver atracado na Ocean Cay MSC Marine Reserve.
Todas as instalações e experiências da ilha, localizada 32 quilômetros ao sul de Bimini, outra ilha do arquipélago, e 104,5 quilômetros a leste de Miami, nos Estados Unidos, serão fiéis à cultura e às tradições das Bahamas. Um completo plano de paisagismo incluirá mais de 80 árvores, gramas, flores e arbustos nativos do Caribe, como por exemplo a Dogwood jamaicana, manguezais e a Beach Morning Glory, flor típica de regiões tropicais E, para completar o cenário paradisíaco, uma típica aldeia será lar de bares e restaurantes que oferecerão especialidades locais, lojas e um convidativo centro de boas-vindas, tocando músicas típicas.
A região nordeste da ilha será destinada aos hóspedes do MSC Yacht Club, que poderão desfrutar de um verdadeiro santuário de bem-estar, com Spa, bangalôs privativos e tendas de massagem.
Para facilitar o deslocamento pela região, os cruzeiristas terão à disposição uma malha de caminhos e pistas de corrida, locação de bicicletas e outras opções de transportes para aproveitar o destino e relaxar, além de instalações para esportes aquáticos, jogos de praia e outras atividades, como:
• Praia familiar com restaurante para crianças, playgrounds, entre outros;
• Uma tranquila lagoa;
• Uma excitante tirolesa que cruza a ilha;
• Um local para cerimônias e casamentos.
A MSC Cruzeiros pretende iniciar os trabalhos de desenvolvimento do destino em março de 2016, para que a Ocean Cay MSC Marine Reserve abra ao público em dezembro de 2017.
Este projeto dará à companhia a possibilidade de marcar a presença permanente nas Bahamas onde, ao longo de 2016 e 2017, serão recrutados 240 trabalhadores de diversas áreas. A ilha será ideal para todos os navios da MSC Cruzeiros que passarem pela região do Caribe, com destaque para o MSC Divina e o novo MSC Seaside, já em construção, ambos partindo de Miami, bem como o MSC Opera MSC Armonia, com saídas de Havana, em Cuba. Além disso, a armadora implementará um centro de treinamento para capacitar a mão-de-obra local, essencial para atender aos visitantes que passarem pela região caribenha.
No dia 15 de dezembro de 2015, a MSC Cruzeiros anunciou a abertura das vendas da temporada inaugural do MSC Seaside, com início previsto para dezembro de 2017. Os hóspedes que embarcarem no primeiro cruzeiro do novo transatlântico, saindo de Miami, serão os primeiros a visitar a ilha e desfrutar de tudo que a reserva marinha terá a oferecer
Para mais informações, acesse: www.msccruzeiros.com.br
Sobre a MSC Cruzeiros
A MSC Cruzeiros, integrante do Grupo MSC, é líder de mercado na Europa, na América do Sul e no Sul da África, e navega durante todo o ano no Mediterrâneo e no Caribe. A armadora oferece ainda itinerários sazonais pelo Norte da Europa, por destinos banhados pelo Oceano Atlântico, Antilhas Francesas, América do Sul, Sul da África, além de Abu Dhabi, Dubai e Omã.
A MSC Cruzeiros tem uma grande responsabilidade ambiental e foi a primeira companhia a receber o Bureau Veritas “7 Golden Pearls”, em reconhecimento a sua gestão e administração ambiental. Em 2009, a armadora iniciou uma duradoura parceira cm a UNICEF, com o objetivo de oferecer suporte a inúmeros programas de assistência às crianças de todo o mundo. Até agora, mais de quatro milhões de euros foram arrecadados por meio da doação voluntária de hóspedes da armadora.
A MSC Cruzeiros nasceu no Mediterrâneo e se inspira nesta herança para criar e oferecer uma experiência única aos turistas de todo o mundo. Sua frota é composta por 12 modernos transatlânticos: MSC Preziosa, MSC Divina, MSC Splendida, MSC Fantasia, MSC Magnifica, MSC Poesia, MSC Orchestra, MSC Musica, MSC Sinfonia, MSC Armonia, MSC Opera e MSC Lirica. Em 2014, lançou um plano de investimento de 5,1 bilhões de euros, por meio do qual encomendou dois navios da classe Meraviglia (com a possibilidade de solicitar a construção de mais dois) e dois transatlânticos da classe Seaside (com a opção de encomendar o terceiro). Com isso, até sete novas embarcações integrarão a frota da companhia durante os próximos sete anos, o que permitirá à empresa dobrar sua capacidade até 2022, quando poderá transportar até 3,2 milhões de hóspedes por ano.
Fechar Menu